Os mimos de Deus

No ultimo fim de semana fomos em uma pequena viagem missionária, pra Araraquara. Tenho certeza que todos da equipe podem dizer que fomos tratados como “reis”. Voltamos alguns kilos mais gordos. Nos disseram que missionários são anjos, e nos trataram com o melhor que podia oferecer. Fomos pra servir e fomos servidos. Mimo de Deus pra nós. Aprendemos com eles a servir com mais excelência no que tiver ao nosso alcance.
(Aproveito para agradecer mais uma vez, em nome de nossa equipe, a hospitalidade de vocês da congregação em Araraquara).
E isso me inspirou a escrever sobre os mimos de Deus sobre a nossa vida.

Eu não queria ser missionária de jeito nenhum. Eu queria ser uma sustentadora, ajudar os missionários financeiramente.
Deus me colocou na posição contrária, casei com um missionário e agora viveria do sustento de pessoas que acreditam no que fazemos.
Isso no começo foi um baque pra mim. Eu ia no banco TODOS os dias pra ver se alguém tinha depositado a oferta e me preocupava literalmente o dia inteiro se teríamos dinheiro pra pagar nossas contas.
Mas Deus nunca deixou faltar nada. Quando vinha uma oferta a mais, era bom guardar, pois provavelmente logo aconteceria alguma coisa que precisaríamos, exatamente daquela quantia a mais.
Mesmo no começo do ministério, que foi mais difícil, pois ninguém conhecia direito o que fazíamos, Deus foi nos abençoando e mandando pessoas ao longo desses 11 anos, pra nos abençoar.
Hoje nós temos um salário da igreja que “paga todas as nossas contas”. Deus nos presenteou com férias, FGTS, 13º, plano de saúde. Ainda temos pessoas que acreditam no que fazemos e ajudam no sustento de nossa família e ministério.
Mas ao longo desses anos, eu comecei a ver, que Deus nos presenteava com mimos também. Coisas que eu sonhava quando jovem (kkk) e que eu não tinha nem coragem de pedir em oração, pois era tão supérfluo (como ir a Disney por exemplo), e de repente, Deus abria as portas de tal maneira, com o dólar a R$1,50, achando um hotel a R$280 a semana pra nós 2 (sim! Eu paguei R$280 por uma semana lá, é a DIÁRIA de um hotel aqui) e lá estava eu falando “Oi” pro Mickey”. Sonho que eu jamais imaginava que realizaria como missionária e Deus me deu de presente.
Tivemos nosso primeiro carro zero que por um milagre conseguimos uma prestação de R$275 (que por sinal acaba mês que vem, glória a Deus!! rs), ninguém entende como conseguimos uma parcela tão baixa (e nem eu).
Deus nos concedeu uma bolsa de quase 50% e meu filho estuda em uma das melhores escola da região. Até quando conseguiremos manter ele lá? Não sei! Enquanto Deus quiser aproveitaremos essa bênção!
Deus mandou pessoas pra nos ajudar a construir nossa casa.
Mimos, mimos e mimos…
Ah, eu que achava que os missionários eram pobres coitados.  Eu não conhecia o Deus que é dono do ouro e da prata? Por que duvidava Dele?
Há tempos difíceis sim! Tempo de comer só Pit Stop (muitos sabem dessa história kkk), tempos de preocupações, tempo que, até hoje penso: “como vamos ter dinheiro pra tudo que precisamos fazer”.
Há também missionários em lugares muito mais difíceis que o nosso, missionários em campos fechados que passam situações que não podemos nem imaginar. Mas tenho certeza que eles também recebem esses mimos de Deus, as vezes muito mais visíveis do que os nossos, como ter sua vida poupada por um milagre.
Deus nunca nos desampara. Mesmo nos momentos difíceis. Não só financeiro, mas de batalhas espirituais, que são muitas.
Sim, eu me sinto amada, amada de Deus.
Deus me ama mais do que os outros? Eu sou merecedora de tudo isso? De jeito nenhum! Deus me ama, tanto quanto ama você, e eu não sou digna de todas essas bênção de jeito nenhum, sou a maior das pecadoras.
Mas Ele tem me dado graça!
E não estou aqui pregando a prosperidade ou dizendo que só os missionários recebem esses mimos! Estou apenas dando o meu testemunho de que Ele tem cuidado de nós, nos mínimos detalhes, e tenho certeza de que você também tem muitas bênçãos pra contar. É só parar pra pensar e lembrar do que Ele tem feito (E aquela venda que você não esperava fazer? E aquele aumento que veio do nada? Ou aquela viagem que vc achou pelo preço exato que você podia pagar?) Mimos de Deus pra vc!
Ele nos dá muito mais do que pedimos, pensamos ou precisamos.

“Conta as bênçãos, conta quantas são.
Recebidas da divina mão.
Uma a uma, dize-as de uma vez,
Hás de ver surpreso quanto Deus já fez.”

O hino vai na versão country que minha mãezinha gosta!

Anúncios
| Deixe um comentário

Seu filho precisa da GRAÇA

Queremos desesperadamente que nossos filhos sejam bem comportados, não é verdade?

A Lei e a Graça
No Antigo Testamento, Deus deixou um conjunto de Leis pro seu povo seguir. Era um conjunto de regras, a começar pelos 10 mandamentos.
Porém, quando Jesus veio, Ele disse que qualquer um que tropeçasse em um só ponto da Lei, estava condenado. Por que? Porque é impossível obedecer a todas as regras.

Jesus disse:

“e vocês de fato obedecerem à lei real encontrada na Escritura que diz: “Ame o seu próximo como a si mesmo”, estarão agindo corretamente.
Mas se tratarem os outros com favoritismo, estarão cometendo pecado e serão condenados pela Lei como transgressores.
Pois quem obedece a toda a Lei, mas tropeça em apenas um ponto, torna-se culpado de quebrá-la inteiramente.
Pois aquele que disse: “Não adulterarás”, também disse: “Não matarás”. Se você não comete adultério, mas comete assassinato, torna-se transgressor da Lei.”
Tiago 2:8-11

Jesus, porém destruiu a Lei? Não.
“Não penseis que vim revogar a lei ou os profetas; não vim para revogar, mas para cumprir.” Mateus 5:17

Somente Jesus é capaz de cumprir toda a Lei, e nós por sermos incapazes de cumprir toda a Lei, precisamos desesperadamente Dele!

Se é impossível para nós adultos seguirmos todas as regras, pras crianças também é.

E muitas vezes nós queremos que nosso filho obedeça e seja comportado apenas pra ele ser bem visto na sociedade ou pra que a gente não passe vergonha na frente dos outros.

Claro, tudo isso é importante. Nosso filho deve aprender a seguir as regras e se comportar. Mas mais do que isso, ele deve aprender que ele não vai conseguir cumprir todas as regras sozinho, ele vai precisar de ajuda, ele precisa de Jesus!

De nada vai adiantar, nosso filho ter um exímio comportamento, se ele não conhecer Jesus e entender o sacrifício que Ele fez por ele, mesmo sendo pequeno.

Regras apenas não são suficientes. Nosso filho precisa de GRAÇA.

Todos nós precisamos da Graça que vem de Jesus, pois não podemos ser bons por nós mesmos.

E você pode ajudar seu filho a conhecer essa graça, a conhecer Jesus no dia a dia.

Ele precisa ouvir sobre Deus, sobre Jesus, e sobre ensinamentos bíblicos em TODOS os momentos. Em todas as oportunidades, você pode usar um versículo que ensine algum valor sobre aquilo.

“Estas palavras que, hoje, te ordeno estarão no teu coração;
tu as inculcarás a teus filhos, e delas falarás assentado em tua casa, e andando pelo caminho, e ao deitar-te, e ao levantar-te.” Dt 6:6-7

Exemplos:
Um amigo brigou com seu filho. Ele deve revidar? O que a Bíblia fala?
A Bíblia manda dar a outra face.

Seu filho fala um palavrão. Em vez de apenas dizer: não fale palavrão!
Diga: filho, a Bíblia nos ensina que de nossa boca não deve sair nenhuma palavra torpe.

Você está em passeando em um bosque com seu filho?
Porque não aproveitar pra falar quão maravilhoso é o nosso Deus, que criou todas as coisas inclusive ele?

E se você pai e mãe, ainda não conhece a graça e a Salvação de Jesus, que você possa hoje mesmo recebê-lo em sua vida, pois Ele é o único caminho para o céu.

 

| Deixe um comentário

Filhos, a lei e a graça.

Queremos desesperadamente que nossos filhos sejam bem comportados, não é mesmo?

A Lei e a Graça
No Antigo Testamento, Deus deixou um conjunto de Leis pro seu povo seguir. Era um conjunto de regras, a começar pelos 10 mandamentos.

Porém, quando Jesus veio, Ele disse que qualquer um que tropeçasse em um só ponto da Lei, estava condenado. Por que? Porque é impossível obedecer a todas as regras.

Jesus disse:

“e vocês de fato obedecerem à lei real encontrada na Escritura que diz: “Ame o seu próximo como a si mesmo”, estarão agindo corretamente.
Mas se tratarem os outros com favoritismo, estarão cometendo pecado e serão condenados pela Lei como transgressores.
Pois quem obedece a toda a Lei, mas tropeça em apenas um ponto, torna-se culpado de quebrá-la inteiramente.
Pois aquele que disse: “Não adulterarás”, também disse: “Não matarás”. Se você não comete adultério, mas comete assassinato, torna-se transgressor da Lei.”
Tiago 2:8-11

Jesus, porém destruiu a Lei? Não.

“Não penseis que vim revogar a lei ou os profetas; não vim para revogar, mas para cumprir.” Mateus 5:17 

Somente Jesus é capaz de cumprir toda a Lei, e nós por sermos incapazes de cumprir toda a Lei, precisamos desesperadamente Dele!

Se é impossível para nós adultos seguirmos todas as regras, pras crianças também é.

E muitas vezes nós queremos que nosso filho obedeça e seja comportado apenas pra ele ser bem visto na sociedade ou pra que a gente não passe vergonha na frente dos outros.

Claro, tudo isso é importante. Nosso filho deve aprender a seguir as regras e se comportar. Mas mais do que isso, ele deve aprender que ele não vai conseguir cumprir todas as regras sozinho, ele vai precisar de ajuda, ele precisa de Jesus!

De nada vai adiantar, nosso filho ter um exímio comportamento, se ele não conhecer Jesus e entender o sacrifício que Ele fez por ele, mesmo sendo pequeno.

Regras não são a resposta, elas não são suficientes. Nosso filho precisa de GRAÇA.

Todos nós precisamos da Graça que vem de Jesus, pois não podemos ser bons por nós mesmos.

E você pode ajudar seu filho a conhecer essa graça, a conhecer Jesus no dia a dia.

Ele precisa ouvir sobre Deus, sobre Jesus, e sobre ensinamentos bíblicos em TODOS os momentos. Em todas as oportunidades, você pode usar um versículo que ensine algum valor sobre aquilo.

“Estas palavras que, hoje, te ordeno estarão no teu coração;
tu as inculcarás a teus filhos, e delas falarás assentado em tua casa, e andando pelo caminho, e ao deitar-te, e ao levantar-te.” Dt 6:6-7

Exemplos:

Um amigo brigou com seu filho. Ele deve revidar? O que a Bíblia fala?
A Bíblia manda dar a outra face.

Seu filho fala um palavrão. Em vez de apenas dizer: não fale palavrão!

Diga: filho, a Bíblia nos ensina que de nossa boca não deve sair nenhuma palavra torpe.

Você está em passeando em um bosque com seu filho?
Porque não aproveitar pra falar quão maravilhoso é o nosso Deus, que criou todas as coisas inclusive ele?

E se você pai e mãe, ainda não conhece a graça e a Salvação de Jesus, que você possa hoje mesmo recebê-lo em sua vida, pois Ele é o único caminho para o céu. E é isso que as crianças aprendem aqui no Clubinho e é o que elas vão cantar agora.

| Deixe um comentário

Você ama missões?

Tenho reparado que grande parte das pessoas que mais amam missões dentro da igreja, são aquelas que se converteram depois, que eram de outras religiões, e não aquelas que cresceram dentro da igreja. Por que? Porque elas tem uma visão mais real da importância de levar o evangelho, pois elas receberam isso de alguém um dia. Diferente de quem cresceu na igreja e se converteu lá dentro mesmo. Então, eu fico pensando, que eu devo ensinar o meu filho que crescerá dentro da igreja a amar missões. Levá-lo em viagens missionárias, incentivá-lo a ofertar para os missionários, orar por eles. Assim ele crescerá amando missões, e quem sabe um dia se torne um missionário, ou um grande sustentador.

| 2 Comentários

A morte não é o fim

Meu cunhado, faleceu mês passado.
Foi uma tragédia realmente. O barco que ele, seu irmão e sobrinho estavam, virou e somente o irmão mais novo sobreviveu.
Foram 4 dias até acharem os corpos.
A gente nunca está preparado para algo assim. É claro que minha irmã e sobrinhas, os pais dele e irmãos foram os mais atingidos. Mas nós como família também fomos, afinal, ele era parte da nossa família também.
E antes disso acontecer, eu sempre pensava que nossa família nunca tinha passado por algo assim. E eu orava de vez em quando, pra que Deus nos capacitasse e nos ajudasse se um dia precisássemos viver algo desse jeito.
Bom, a verdade é que você só experimenta na prática certas coisas que estão escritas na Bíblia, quando você passa pelo vale.
Alí naqueles 4 dias nós experimentamos na prática o “E disse-me: A minha graça te basta, porque o meu poder se aperfeiçoa na fraqueza”. 2 Coríntios 12:9
“E a paz de Deus, que excede todo o entendimento, guardará os vossos corações e os vossos pensamentos em Cristo Jesus.” Filipenses 4:7
“Porque para mim, o viver é Cristo e o morrer é lucro!” Filipenses 1:21

Quando chegamos lá (eu e meu marido primeiramente), era hora do almoço, os acontecimentos ainda era recentes, ainda havia muita esperança de encontrá-los com vida. Mas o que eu vi, foi uma família (grande parte da família dele estava na chácara esperando por notícias), em meio a dor e ao sofrimento, inteiramente submissa à vontade de Deus.
A oração do pai do meu cunhado, foi uma das mais lindas que eu já ouvi. Em meio a tanto sofrimento, ele orou pedindo pra que se fosse da vontade de Deus que eles ainda estivessem vivos, mas contudo que fosse feita a vontade de Deus e eles estavam submissos a ela.
Foram 4 dias que, embora sofridos e angustiantes, foram pintados a dedo por Deus.
Era nítida a presença de Deus naquele lugar (interessante é o nome que minha irmã e cunhado deram pra chácara: Graciosa- graciosa é a presença de Deus neste lugar).
Minha irmã e sobrinha, demonstrando uma força e uma fé em Deus inacreditáveis e inabaláveis. Em meio aos momentos de dor, momentos de alegria por acreditar em algo maior.
Um dia antes de encontrarem meu cunhado, estávamos eu, minha irmã (esposa do falecido), minha sobrinha e minha outra irmã mais velha, lá embaixo vendo o mais bonito por do sol que já tínhamos visto. Estávamos debaixo de uma chuva fina, e de repente minha  irmã  mais velha deu um grito: “olha o arco-íris”, e era o mais lindo arco-íris. Nós quatro sentimos Deus falando: Eu vou cuidar de vocês.
E voltamos a olhar o por do sol, e aquele céu maravilhoso. Eu falei, imagina como é o céu de verdade gente. E nós quatro começamos a louvar e exaltar o nome de Cristo ali naquele momento. Nós orávamos e comentávamos que é durante a pior experiência, que você consegue claramente ter um vislumbre da eternidade, e isso nos dá a esperança de que esta vida é passageira e a eternidade está em nossos corações porque ela foi colocada por Deus. Voltamos pra casa ali perto, já era noite, e minha irmã falou que o cântico preferido do meu cunhado era o “Só de ouvir sua voz”. E nós começamos a cantar.
Naquele momento, eu agradeci tanto a Deus por estar naquele lugar. Agradeci o privilégio de ter tido essa experiência que poucos podem dizer que tiveram. De poder viver o versículo: “Eu te conhecia só de ouvir falar, mas agora os meus olhos te vêem.” (Jó 42.5)
Porque a presença de Deus naqueles dias eram palpáveis e visíveis!
No dia seguinte, quando veio a notícia, do reconhecimento do corpo, que era realmente do do meu cunhado. Não tem um jeito certo ou bom pra dar essa notícia. Neste momento houve 5 minutos de desespero. Eu e minha irmã mais velha e não sabíamos o que fazer. Queríamos tirar aquela dor delas. Não havia palavras. Nisso, minha sobrinha entrou no banheiro, e eu e minha irmã mais velha ficamos orando. Não havia o que fazer. E quando ela saiu do banheiro, saiu outra pessoa. Ela foi até minha irmã e falou: “Mãe, o pai queria a gente forte. Deus está com a gente, e a gente vai superar isso. Quando eu vi o arco-íris eu já sabia que o pai estava com Deus.” E a calmaria veio. A paz inundou aquele lugar e a gente viu claramente a ação do Espírito Santo através desta menina.
No dia seguinte houve o enterro do meu cunhado e de manhã acharam também o seu sobrinho.
Meu cunhado foi velado na igreja onde minha irmã o conheceu. Uma linda história de amor (e quem conhece sabe o quão apaixonados eles foram) que nunca vai se apagar.
O sobrinho foi velado a tarde em outra cidade. Ele era policial. E lá no culto fúnebre, o comandante do batalhão, também cristão, falou maravilhosamente. Falou que o que ele mais queria para os seus subordinados era que um dia todos eles tivessem um encontro com Cristo assim como ele (o sobrinho) teve. E no final de sua palavra, ele fez uma oração, e muitos policiais oraram com ele. Foi muito emocionante também.
Não há explicação pra coisas assim acontecerem. A vida é assim. Vivemos em um mundo decaído onde coisas ruins acontecem. O sofrimento e a saudade continuarão.
Mas Deus está conosco em TODOS os momentos. Trazendo o conforto e a paz que só Ele pode dar.
Minha irmã, que exemplo de submissão à vontade de Deus ela é pra mim. Que eu possa ter essa sua serenidade ante às tribulações da vida.

Ora, se a nossa esperança em Cristo se restringe apenas a esta vida, somos os mais miseráveis de todos os seres humanos. A ressurreição dos crentes no entanto, em realidade, Cristo ressuscitou dentre os mortos, sendo Ele o primeiro dos frutos dentre aqueles que dormiram. 21Porque, assim como a morte veio por um homem, da mesma forma, por um homem veio a ressurreição dos mortos.
I Coríntios 15: 19-21

Em meio ao caos nós sentíamos paz.
Em meio a tempestade nós sentíamos a brisa.
Em meio ao barulho nós ouvíamos a melodia.
No escuro do vale nós víamos a luz.
E era Cristo que dizia: A minha graça te basta!

| Deixe um comentário

O que você tem na sua “mochila”?

Todo mundo tem uma “mochila”. Essa mochila carrega as experiências passadas da vida e te torna a pessoa que você é no presente.
Na minha mochila têm muitas coisas boas e muitas coisas ruins também. Coisas que eu queria esquecer, sofrer uma amnésia, apagar pra sempre. E na maioria do tempo essas lembranças ruins ficam adormecidas na minha mente. Não que eu não me lembre delas, porque as coisas mais marcantes são as que você não consegue esquecer por um dia se quer, mas elas não me machucam mais, na maior parte do tempo. Mas às vezes elas retornam e tentam me derrubar e me entristecer. E eu passei por muita coisa na minha adolescência, coisas que ninguém imagina. E o rasgo, o estrago que essas coisas fizeram na minha vida, quando parecem cicatrizadas, perdem a casquinha e voltam a sangrar novamente.
Neste momento, sempre, eu sinto a misericórdia de Deus sobre a minha vida. Eu O escuto dizendo quase que audivelmente “Filha, Eu te amo muito, Eu te perdoei. As pessoas podem ter te ferido, mas Eu sempre te amei. Deixe as coisas comigo e viva o seu presente, totalmente lindo e restaurado, porque EU TE AMO!”.
E mais uma vez, as misericórdias do Senhor se renovam sobre mim e a cicatriz se fecha novamente.
E você, o que tem na sua mochila?
Seja o que for que você tenha na sua mochila, quero te deixar algumas promessas de Deus pra você:

1 João 1:9
Se confessarmos os nossos pecados, ele é fiel e justo para nos perdoar os pecados,e nos purificar de toda a injustiça.

Miquéias 7:18,19
Quem é Deus semelhante a ti, que perdoa a iniqüidade, e que passa por cima da rebelião do restante da sua herança? Ele não retém a sua ira para sempre, porque tem prazer na sua benignidade. Tornará a apiedar-se de nós; sujeitará as nossas iniqüidades, e tu lançarás todos os seus pecados nas profundezas do mar.

Jeremias 31:34
 E não ensinará mais cada um a seu próximo, nem cada um a seu irmão, dizendo: Conhecei ao Senhor; porque todos me conhecerão, desde o menor até ao maior deles, diz o Senhor; porque lhes perdoarei a sua maldade, e nunca mais me lembrarei dos seus pecados.

Romanos 8:39
Nem a altura, nem a profundidade, nem alguma outra criatura nos poderá separar do amor de Deus, que está em Cristo Jesus nosso Senhor.

Publicado em Outros, Vida Cristã | Deixe um comentário

Por que você nasceu?

Você já parou pra pensar que se você nasceu e está nesse mundo, é porque Deus te queria com ele por toda a eternidade?
As vezes nos questionamos o porquê passamos por certas dificuldades. Acontece que nós estamos de passagem por um mundo decaído, onde reina o pecado e mal, por própria culpa do homem que escolheu se rebelar contra Deus. Desde o princípio Deus nos deu a escolha pois não queria criar meros robôs.
Infelizmente o homem escolheu o mal e escolhe até hoje. Mas Deus com seu amor imensurável, já sabia que o homem faria essa escolha e manda Seu Filho Jesus pra ser o nosso Salvador e nos levar de volta a Ele pra vivermos em paz eternamente.
Se você existe é porque Deus quis te criar e se relacionar eternamente com você. Pra isso ele precisou te colocar neste mundo cheio de aflições (por nossa própria escolha). Estamos aqui só de passagem, pra um dia desfrutarmos de um lugar perfeito pra nós.
Isso não muda a nossa perspectiva para enfrentarmos as lutas diárias?
Ele te ama! Ele te queria! Ele te criou! Ele te salva! Ele quer que você desfrute do melhor que Ele preparou!

Publicado em Vida Cristã | Deixe um comentário